Carteira de investimentos da Real Vida Seguros cresce em 2020

investimentos Real Vida, Carteira de investimentos da Real Vida Seguros cresce em 2020
Créditos: Kupono Kuwamura (Unsplash)

A atividade comercial da Real Vida Seguros em 2020 não escapou ao cenário pandémico, como todas as outras entidades. Nesse sentido, no seu Relatório e Contas de 2020 explicam que a crise pandémica obrigou a um “ajustamento significativo dos diversos canais de venda”. Relativamente aos seguros vida, a produção destes, avança a entidade, “representa a maior parcela da produção nova total do ano de 2020”.

Precisamente no ramo vida, a entidade viu a sua quota de mercado crescer em 2020, em concreto mais de 30%, embora a trajetória de crescimento dos anos anteriores em termos de volume de produção vida tenha sido interrompida, como contam no documento.

investimentos Real Vida, Carteira de investimentos da Real Vida Seguros cresce em 2020
Fonte: Relatório e Contas. 2020

No campo da gestão dos fundos de pensões, em que a entidade diz ter um enviesamento para o tema do value, como contava recentemente Ricardo Almeida, o volume de ativos geridos ficou-se nos 240 milhões de euros. A quota de mercado, por sua vez, fixou-se nos 1,04%. A Real Vida Seguros processou e pagou assim 12.294.311 de euros a a 1.441 pensionistas e beneficiários.

Carteira de investimentos cresce

A carteira de investimentos da entidade apresentou um crescimento no ano em causa, e passou para os 287 milhões de euros no final de 2020. As obrigações e títulos de dívida, tal como em anos anteriores, são então o ativo mais representativo, compondo 40,6% dos investimentos. Uma representatividade que diminuiu face aos últimos dois anos, mas muito ligeiramente como visível abaixo:

investimentos Real Vida, Carteira de investimentos da Real Vida Seguros cresce em 2020

As ações viram a sua representação subir ligeiramente, para os 8,5% de ponderação na carteira de investimentos da seguradora. Contudo, são as unidades de participação a segunda tipologia de investimento mais representativa no global.

Ressaltar ainda que a Real Vida Seguros terminou o ano de 2020 com um resultado líquido no exercício de 5,4 milhões de euros.