Montepio Tesouraria: o melhor fundo de curto prazo nos prémios da APFIPP em 2024

cautious fundos mistos moderados defensivos
Créditos: Franck (Unsplash)

O vencedor do prémio de melhor fundo de curto prazo na edição de 2024 dos Prémios Melhores Fundos da Associação Portuguesa de Fundos de Investimento, Pensões e Patrimónios foi o Montepio Tesouraria, na sua classe A.

Este fundo de gestão de tesouraria, gerido por Rui Nápoles e Tina Aly, da Montepio Gestão de Ativos, proporciona o acesso às rentabilidades dos mercados de mercado monetário e de obrigações de curto prazo, com prazos inferiores a 12 meses. É categorizado pela Morningstar como um fundo de mercado monetário, em euros. Nasceu em setembro de 1993 e acumula pouco mais de 156 milhões de euros em ativos sob gestão, a fecho do mês de maio.

Os dados mais recentes da carteira disponíveis na Morningstar mostram uma exposição de cerca de 54,56% a títulos de dívida e 43,64% a instrumentos de liquidez. São 64 as emissões de obrigações que o fundo inclui em carteira, e 28 os depósitos constituídos. As emissões que mais pesam na carteira são do estado alemão e francês, bem como emissões de instituições financeiras como o Banco Santander, Bank of America ou Credit Agricole.