Saúde e tecnologia emergem como questões-chave no mundo pós-pandémico

André Themudo, responsável de negócio na Península Ibérica. Créditos: Cedida (BlackRock)
André Themudo, responsável de negócio na Península Ibérica. Créditos: Cedida (BlackRock)

TRIBUNA de Andre Themudo, responsável de desenvolvimento de negócio para Portugal, Espanha e Andorra, BlackRock. Comentário patrocinado pela BlackRock.

A economia global está a passar por um processo de transformação liderado por uma série de forças estruturais que estão dispostas a moldar o mundo nas próximas décadas. Estas forças, que abrangem áreas muito diferentes, são constituídas por uma série de questões que se materializarão independentemente da situação económica num dado momento e que, em muitos casos, estão interligadas. Estamos a falar de megatendências, que nós na BlackRock agrupámos em cinco categorias: alterações climáticas, urbanização rápida, mudança de poder económico, alterações sociais e demográficas e, finalmente, avanços tecnológicos disruptivos.

Como já discutimos, estas cinco megatendências são constituídas por uma série de temas subjacentes que muitas vezes se manifestam de forma transversal, pelo que não se relacionam apenas com uma das principais forças transformadoras acima delineadas. Um exemplo claro disto são as questões de saúde e tecnologia.

Gostaríamos de começar por nos concentrarmos no primeiro destes, que se tornou um dos temas dominantes dos últimos doze meses devido ao importante papel que desempenha na luta contra a COVID-19. A propagação da pandemia evidenciou a fragilidade dos sistemas de saúde tal como foram concebidos, como se viu na enorme pressão sobre os hospitais nas fases iniciais da pandemia. Esta pressão forçou o atraso dos tratamentos e testes diagnósticos, que poderiam ser gradualmente retomados após o fim da primeira vaga, embora as subidas e vagas sucessivas tenham forçado o regresso destas atividades a favor do tratamento de pessoas infetadas com COVID-19.1

Esta história tem levado muitos sistemas de saúde a aumentar o seu investimento em equipamento médico a fim de lidar simultaneamente com a luta contra a COVID-19 e o tratamento de patologias comuns, o que proporciona uma perspetiva favorável às empresas neste domínio. Além disso, a pandemia também estimulou o investimento na investigação para desenvolver vacinas capazes de dar uma resposta eficaz e abrangente à doença e desenvolver tratamentos de diagnóstico para mitigar os efeitos da doença. 1 Uma estratégia possível para tirar partido desta dinâmica é o fundo BGF World Healthscience, que pode ser encontrado mais detalhadamente neste link.

Esta situação colocou este setor num ponto de partida dominado pelo apoio à investigação e inovação para enfrentar a pandemia, mas não se deve esquecer que existem outras questões que, sem ter tido um peso tão importante na história noticiosa, merecem uma menção. É por isso que queremos concentrar-nos nos subsetores da biotecnologia e do desenvolvimento de dispositivos médicos. Acreditamos que a primeira beneficia de décadas de investigação em genómica que nos permitem compreender melhor a origem de numerosas patologias, enquanto na segunda podemos destacar técnicas de implantes minimamente invasivas que fornecem resultados muito superiores aos tradicionais.1

Ambos os subsetores têm uma importante componente tecnológica que vai muito mais longe e que se reflete noutras disciplinas da saúde. Sem querer expandir-se demasiado sobre este ponto, vale também a pena destacar a enorme influência que o desenvolvimento tecnológico está a ter na robótica aplicada aos cuidados de saúde, com exemplos como a sua aplicação em cirurgia, o que permite alcançar uma maior excelência nos processos cirúrgicos.1

A tecnologia é um dos temas dominantes quando se fala de megatendências, especialmente no mundo pós-pandémico. Este setor tem desempenhado um papel fundamental na adaptação dos processos de produção às necessidades de distanciamento social impostas pela pandemia, como se pode ver nos grandes progressos feitos na digitalização. Esta contribuição foi também reforçada noutras áreas, tais como o lazer, o comércio electrónico e a educação on-line. Os fundos BGF World Technology e BGF Next Generation Technology estão concentrados em aproveitar as oportunidades aqui delineadas. 

Em suma, o setor tecnológico trouxe para a mesa uma série de medidas transformadoras que permitiram superar numerosos obstáculos e que são de natureza muito mais estrutural do que a situação económica que os obrigou a materializar-se. Esperamos, portanto, que numerosos sub-setores continuem a beneficiar deste impulso, mesmo quando o sucesso das campanhas de vacinação permitir um regresso à normalidade pré-pandémica.

1: Fonte BlackRock Sectors Outlook, 2021: Markets Ahead

Avisos de risco

Capital sujeito a risco. O valor e a rentabilidade dos investimentos tanto podem diminuir como aumentar, pelo que não podem beneficiar de qualquer garantia. Os investidores devem estar cientes de que podem não recuperar o valor originalmente investido.

Os resultados anteriores não constituem um indicador fiável de resultados atuais ou futuros e não deverá ser o único fator a ter em conta ao selecionar um produto ou estratégia.

Alterações nas taxas de câmbio entre moedas podem fazer com que o valor dos investimentos diminua ou aumente. A flutuação pode ser particularmente acentuada no caso de um fundo com maior volatilidade e o valor de um investimento pode diminuir repentina e substancialmente. Os níveis e bases de tributação podem alterar-se ocasionalmente.

Disclaimer do fundo

BGF Next Generation Technology Fund

Risco de Concentração, Risco de Contraparte, Risco Acionista, Investimento em títulos relacionados com tecnologia

BGF World Healthscience Fund

Gestão ativa da exposição cambial, Risco de Concentração, Risco de Contraparte, Risco Acionista

BGF World Technology Fund

Risco de Concentração, Risco de Contraparte, Risco Acionista

Gestão ativa da exposição cambial

A gestão ativa da exposição cambial através de derivados pode tornar o Fundo mais sensível a alterações nas taxas de câmbio. Se as exposições cambiais contra as quais o Fundo é coberto valorizarem, os investidores podem não beneficiar dessa valorização.

Risco de Concentração

O risco de investimento está concentrado em setores, países, moedas ou empresas específicos. Isto significa que o Fundo é mais sensível a quaisquer eventos económicos, políticos, ou no âmbito dos mercados ou da regulamentação.

Risco de Contraparte

A insolvência de quaisquer instituições que prestem serviços como a custódia de ativos ou que atuem na qualidade de contraparte de derivados ou outros instrumentos poderá expor a Classe de Ações a perdas financeiras.

Risco Acionista

Os movimentos diários dos mercados de ações, influenciados por factores como as notícias políticas e económicas, os resultados das empresas e acontecimentos importantes da vida das empresas, podem afectar o valor das ações e dos títulos conexos com ações.

Investimento em títulos relacionados com tecnologia

Os investimentos em títulos relacionados com tecnologia estão sujeitos à ausência ou perda de proteções de propriedade intelectual, rápidas evoluções da tecnologia, regulamentação governamental e concorrência.

Informação sobre a regulamentação

Este material destina-se apenas a ser distribuído a Clientes Profissionais (conforme definido pela Autoridade de Conduta Financeira ou pelas regras da DMIF) e não deverá ser utilizado por outras pessoas.

Até 31 de dezembro de 2020, publicado pela BlackRock Investment Management (UK) Limited, autorizada e regulamentada pela Autoridade de Conduta Financeira (“FCA”). Sede social: 12 Throgmorton Avenue, London, EC2N 2DL, England, Tel +44 (0)20 7743 3000. Registada em Inglaterra e no País de Gales sob o n.º 02020394. Para a sua proteção, as chamadas telefónicas costumam ser gravadas. Consulte o sítio Web da Financial Conduct Authority para obter uma lista das atividades autorizadas realizadas pela BlackRock.

A partir de 1 de Janeiro de 2021, na eventualidade de o Reino Unido e a União Europeia não celebrarem um acordo que permita às empresas do Reino Unido oferecer e prestar serviços financeiros na Espaço Económico Europeu, o emitente do material é:

(i) BlackRock Investment Management (UK) Limited para todas as partes no exterior da Espaço Económico Europeu; e

(ii) BlackRock (Netherlands) B.V. para as partes no interior Espaço Económico Europeu

A BlackRock (Netherlands) B.V. está autorizada e é regulamentada pela Autoridade neerlandesa dos Mercados Financeiros. Sede social  Amstelplein 1, 1096 HA, Amsterdam, Tel: 020 – 549 5200, Tel: 31-20-549-5200. Registo Comercial n.º 17068311 Para a sua proteção, as chamadas telefónicas costumam ser gravadas.

A BlackRock Global Funds (BGF) é uma sociedade de investimento de capital variável, constituída e domiciliada no Luxemburgo e disponível para venda apenas em determinadas jurisdições. A BGF não está disponível para venda nos EUA ou para cidadãos norte-americanos. As informações de produtos relativas à BGF não deverão ser publicadas nos EUA. A BlackRock Investment Management (UK) Limited é a principal distribuidora da BGF. As subscrições na BGF apenas são válidas se forem efetuadas com base no prospeto atual, nos relatórios financeiros mais recentes e no Documento de Informações Fundamentais que se encontram disponíveis no nosso website. Os prospetos, os Documentos de Informações Fundamentais e os formulários de subscrição podem não estar disponíveis para investidores em determinadas jurisdições em que o Fundo em questão não tenha sido autorizado.

Para investidores em Portugal

Em Portugal, determinadas classes de ações de determinados fundos BGF estão registadas na Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) e o prospeto para cada fundo registado foi registado na CMVM.

Alterações nas taxas de câmbio entre moedas podem fazer com que o valor dos investimentos diminua ou aumente. A flutuação pode ser particularmente acentuada no caso de um fundo com maior volatilidade e o valor de um investimento pode diminuir repentina e substancialmente. Os níveis e bases de tributação podem alterar-se ocasionalmente.

Este documento destina-se apenas a fins informativos e não constitui uma oferta ou um convite para investir em fundos da BlackRock e não foi preparado no âmbito dessa oferta.© 2021 BlackRock (Netherlands) B.V. Empresa registrada nº 17068311. Todos os direitos reservados. As chamadas podem ser monitoradas ou gravadas. IBEM0221E/S-1527985