Que áreas estão a ser reforçadas pelas gestoras internacionais: revisão de setembro

gestoras, Que áreas estão a ser reforçadas pelas gestoras internacionais: revisão de setembro
Créditos: Mimi Thian (Unsplash)

A rentrée foi sinónimo de onda de movimentos nas gestoras internacionais. As empresas estrangeiras têm estado ativas em contratações durante o mês de setembro. Analisamos as nomeações em busca de pistas sobre os nichos em que estão a apostar.

Uma gestora muito ativa foi a Edmond de Rothschild Asset Management, que expandiu a equipa com três novos gestores, principalmente no espaço das obrigações.

  1. Delphine Arnaud junta-se à equipa multiativos & overlay como gestora/analista de carteiras. Será um membro ativo da equipa dedicada à gestão de carteiras de fundos Multi-Asset & Total Return.
  2. Daniela Savoia junta-se à equipa de obrigações como gestora/analista de carteiras de dívida soberana emergente. É membro ativo da equipa de gestão de carteiras do Fundo Edmond de Rothschild Soberano Emergente.
  3. Alexander Eventon fará parte da equipa de obrigações como responsável de investment grade e dívida corporativa híbrida. Será o principal gestor de uma nova estratégia focada em obrigações corporativas híbridas que investe principalmente em dívida corporativa híbridas de empresas em qualquer área geográfica.

E as entidades também se posicionam perante uma nova classe de ativos: o mundo digital ou cripto. Por exemplo, a WisdomTree reforçou a sua plataforma de ativos digitais com a nomeação de dois especialistas para responder à procura crescente desta classe de ativos entre investidores. Benjamin Dean faz parte da nova equipa de Ativos Digitais como diretora e Alice Liu, como associada sénior da equipa de análise europeia. Dean desempenhará um papel ativo no processo de desenvolvimento de produtos digitais da WisdomTree, aconselhando sobre estratégia global e desenvolvendo conectividade com projetos e fornecedores de serviços no ecossistema de criptomoedas. As adições representam a importância acrescida que os ativos digitais estão a assumir para a WisdomTree. Seguem-se uma série de novos desenvolvimentos na gama de produtos de criptomoedas, incluindo o lançamento de um ETP sobre Ehter com apoio físico e cotado em várias bolsas europeias.

Reconstruir equipas de gestão

Tem sido também um mês de movimentos nos comandos de fundos e equipas de renome. A Carmignac anunciou a nomeação de Abdelak Adjriou como novo gestor do Carmignac Portfolio Global Bond Fund após a saída de Charles Zerah. Zerah deixou a casa francesa para assumir novos desafios profissionais. Por sua vez, Adjriou trabalhará sob as ordens da diretora de Obrigações, Rose Ouahba. Vindo da American Century Investment, o novo gestor traz uma sólida experiência na gestão de fundos de Obrigações Globais, com um estilo de investimento flexível e ativo.

A mudança da Robeco tem sido importante e, por isso, teve de reforçar a sua equipa de sustentabilidade depois de algumas saídas importantes. A empresa incorporou oito profissionais de investimento nas suas equipas de Investimento Temático Sustentável. Além disso, avançou que continuará a fortalecer as equipas de investimento de tema sustentável com a chegada de sete analistas de ações.

  1. Roman Boner juntou-se como gestor do RobecoSAM Smart Energy.
  2. Pieter Busscher foi nomeado principal gestor da estratégia de RobecoSAM Smart Mobility, tendo sido gestor adjunto da mesma desde o seu lançamento em 2018. Busscher está na Robeco desde 2007 e é também o principal gestor da estratégia RobecoSAM Smart Materials.
  3. Michael Studer, PhD, vai juntar-se à Robeco como analista sénior especializado em Tecnologia. Studer também será gestor-adjunto para a estratégia Smart Energy. 
  4. Também contrataram uma equipa de analistas composta por Mutlu Gundogan, Sanaa Hakim, Clément Chamboulive, Alyssa Cornuz, Simone Pozzi e Diego Salvador Barrero.

Novas vendas

No campo comercial, temos visto novos nomes nas equipas de Vendas. A Lonvia Capital anunciou a chegada de Jérôme Guittet como partner e responsável de Desenvolvimento de Negócio e Clientes Institucionais para a Europa. O antigo diretor de Vendas Institucionais para França, Bélgica e Luxemburgo na Edmond de Rothschild AM, colocará a sua experiência comercial neste segmento de investidores.

A britânica Artemis, por sua vez, reforçou a sua equipa de Vendas na Europa com a incorporação de Thomas Eckert no seu recém-inaugurado escritório em Zurique. Eckert irá reportar a Adam Gent, responsável de Vendas Intermediárias.