Mercado de fundos em 2021 foi criativo em novos lançamentos

novos fundos de investimento, Mercado de fundos em 2021 foi criativo em novos lançamentos
Créditos: Sinval Carvalho (Unsplash)

Num ano muito sorridente para a indústria de gestão de ativos em termos genéricos, o mercado nacional apresentou-se mais dinâmico e inovador do que em 2020. Porquê? Só em 2021, as entidades nacionais decidiram lançar 12 novos fundos de investimento. Um número que compara com os três fundos lançados em 2020. Realizamos uma retrospetiva do que foi o último ano em termos de lançamentos e fusões no que toca aos fundos mobiliários nacionais.

Quatro novos fundos PPR/OICVM

Os fundos PPR/OICVM continuam a crescer em território nacional. E as casas gestoras nacionais percebem cada vez mais isso. Em apenas um ano foram lançados quatro novos fundos de investimento PPR/OICVM.

Em janeiro, foi a vez da Invest Gestão de Activos lançar o Smart Invest PPR/OICVM. Um produto que é constituído por três sub-fundos determinados ao perfil de risco de cada investidor. Trata-se do Smart Invest PPR/OICVM Conservador, do Smart Invest PPR/OICVM Moderado e do Smart Invest PPR/OICVM Dinâmico.

Do lado da Biz Capital, a estreia neste formato aparece com o BIZ Europa PPR/OICVM, um fundo capaz de investir no espaço europeu, tanto em ações como em obrigações.

A Bankinter GA - Sucursal em Portugal, por seu turno, lançou já no verão de 2021, o fundo Bankinter Mega TT PPR/OICVM. A FundsPeople dava conta, no momento do seu lançamento, que se tratava de um produto temático, cujo portefólio seria maioritariamente constituído por fundos de investimento de terceiros e ETF especializados em três grandes áreas: digitalização e digitização; sustentabilidade; e consumidor e sociedade.

Já em setembro, foi a vez da Optimize Investment Partners lançar para o mercado o Optimize LFO PPR/OICVM Leopardo. Um lançamento realizado em parceria com a sociedade consultora para investimento Lisbon Family Office, com Francisco Carneiro como consultor. Na hora de lançamento, a equipa de gestão deixou claro à FundsPeople que esta estratégia promete uma abordagem revolucionária no que toca às empresas que incorpora.

Setembro: o mês mais dinâmico

Ao nível de outros novos fundos, a primeira novidade ocorreu logo no começo do ano, em janeiro. A BIZ Capital lançou para o mercado um fundo de investimento alternativo: o BIZ Europa Bear - um fundo de obrigações focado em ativos da Zona Euro.

Passado dois meses, em março, surge o segundo novo produto de 2021. Desta vez um fundo multiativo: o Santander Multi-Estratégia, gerido pela Santander Asset Management. Relativamente a este produto, a casa gestora referiu que se trata de um veículo que "canaliza a performance do Santander GO Absolute Return".

Por sua vez, em maio, o Bison Bank em Portugal lançou o Bison China Flexible Bond Fund, gerido pela Lynx Asset Managers, tratando-se de um fundo que procura "explorar o potencial económico da China, investindo num portefólio diversificado de obrigações chinesas onshore e offshore”.

Já em agosto, a casa gestora Sixty Degrees lançava o Sixty Degrees Flexible Allocation. Segundo a entidade, o fundo investe em instrumentos financeiros globais, cotados e de elevada liquidez, maioritariamente ações e obrigações, baseando a estratégia de investimento em três fatores: experiência da equipa de gestão; construção equilibrada e diversificada do portefólio; e gestão de risco dos investimentos.

Logo depois, em setembro, a Sixty Degrees anunciava mais um produto: o Sixty Degrees Ações Portugal. Um produto a cargo de Catarina Quaresma Ferreira, que investe predominantemente em ações de empresas cotadas na bolsa de Lisboa.

De facto, setembro foi o mês em que se registaram mais lançamentos em 2021. Dos quatro produtos nacionais lançados nesse mês, a Optimize Investment Partners foi responsável por três, sendo que o lançamento do quarto fundo coube à Sixty Degrees.

Desta forma, nesse mês, a Optimize IP lançou o Optimize LFO Rise US Equities, o Optimize Disruption Fund e o já mencionado Optimize LFO PPR/OICVM Leopardo. Já em dezembro, esta entidade continuou a sua onda de novos fundos e assistimos ao lançamento do Optimize Portugal Golden Opportunities Fund- uma estreia da entidade nos fundos elegíveis para vistos gold.

Fundos lançados em 2021

Fundo lançadoEntidade gestoraMês de lançamento
Smart Invest PPR/OICVMInvest Gestão de Activosjaneiro
BIZ Europa BearBIZ Capitaljaneiro
Santander Multi-EstratégiaSantander Asset Managementmarço
BIZ Europa PPR/OICVMBIZ Capitalmaio
BISON China Flexible Bond FundLynx Asset Managersmaio
Bankinter Mega TT PPR/OICVMBankinter Gestión de Activos - Sucursal em Portugaljulho
Sixty Degrees Flexible AllocationSixty Degreesagosto
Sixty Degrees Ações PortugalSixty Degreessetembro
Optimize LFO Rise US EquitiesOptimize Investment Partnerssetembro
Optimize Disruption FundOptimize Investment Partnerssetembro
Optimize LFO PPR/OICVM LeopardoOptimize Investment Partnerssetembro
Optimize Portugal Golden Opportunities Fund Optimize Investment Partners dezembro
Fonte: CMVM

2021: ameno em fusões

De facto, no que toca a fusões, apenas uma casa gestora nacional trouxe novidades. Falamos da Santander Asset Management que só em 2021 fez cinco alterações no mercado de fundos mobiliários ao nível das fusões.

A casa gestora, no mês de março, incorporou o fundo de ações Santander Acções Portugal no Santander Acções Europa. Já em maio, houve a fusão por incorporação do fundo de obrigações Popular Obrigações Curto Prazo no Santander Obrigações Curto Prazo e também do Popular Acções no Santander Acções Europa - fundo que constou entre os 20 mais rentáveis em 2021.

Por fim, em dezembro, houve também a fusão por incorporação de dois fundos de investimento. Falamos do Popular Global 25 no Santander Select Moderado e do Popular Global 5 no Santander Select Defensivo.

Fusões em 2021

Fundo incorporadoFundo incorporanteEntidade gestoraMês
Santander Acções PortugalSantander Acções EuropaSantander Asset Managementmarço
Popular Obrigações Curto PrazoSantander Obrigações Curto PrazoSantander Asset Managementmaio
Popular AcçõesSantander Acções EuropaSantander Asset Managementmaio
Popular Global 25Santander Select ModeradoSantander Asset Management dezembro
Popular Global 5Santander Select DefensivoSantander Asset Management dezembro
Fonte: CMVM