Caixa GA adere ao Net Zero Asset Managers e tem um ano de 2022 positivo, apesar das condições de mercado

sustentabilidade ESG noticia
Créditos: Dekorasyon (Unsplash)

Apesar do enquadramento de mercado desfavorável, a Caixa Gestão de Ativos teve em 2022 um exercício genericamente positivo para o seu negócio. A entidade gestora viu os ativos mobiliários e de gestão de carteiras decrescer, mas as comissões de gestão e aconselhamento subiram 6% para os 30,9 milhões de euros. A rubrica desagrega-se como evidenciado na tabela abaixo.

Rendimentos/encargos e comissões

O resultado líquido do exercício fechou o ano nos 13,8 milhões de euros, o que corresponde a um aumento de 10%, relativamente ao ano anterior.

Já no campo do investimento responsável, a entidade gestora, que já era signatária desde 2019 dos Princípios para o Investimento Responsável das Nações Unidas, aderiu em setembro de 2022 à Net Zero Asset Managers Initiative, comprometendo-se com a descarbonização dos portefólios sob gestão.

Na gestão de fundos mobiliários, a gestora dá conta de um reforço da quota de mercado para os 36,6%. Esta subida resulta, como se pode ler no relatório anual, da "dinâmica comercial na colocação de fundos, ainda que penalizada pela forte desvalorização dos mercados".

Ativos sob gestão em fundos mobiliários

Já na gestão discricionária, fica evidente a quebra de 19,5% no ano, ou 1.108 mil milhões de euros, devido a reembolsos da carteira de um grande cliente institucional, como comunica a entidade gestora. Já a consultoria para investimentos registou uma diminuição de 422 milhões de euros no ano, ou 15,9% face ao ano anterior.

Ativos sob gestão em gestão de carteiras e sob consultoria para investimento

No que aos fundos imobiliários diz respeito, o fundo aberto Fundimo cresceu 6,8% no ano, enquanto o conjunto dos fundos fechados da casa perderam ativos sob gestão. Sobre o primeiro, a entidade gestora indica que prossegue a estratégia de "alienação de ativos não estratégicos, nomeadamente os imóveis em que o fundo detém participações reduzidas, bem como em localizações pulverizadas pelo país".

Ativos sob gestão em fundos imobiliários