Fundos de obrigações de curto prazo: quais conseguiram uma melhor relação entre retorno e risco?

obrigações de curto prazo, Fundos de obrigações de curto prazo: quais conseguiram uma melhor relação entre retorno e risco?
Créditos: Rhys EST2018 (Unsplash)

No seguimento da análise dos mapas de retorno e risco a cinco anos, analisamos agora os fundos nacionais inseridos na categoria da Morningstar diversified bond — short term. Neste caso, entre os nove produtos de obrigações que compõem a lista, há um que está claramente em destaque. Na verdade, é a mesma estratégia de investimento que detinha a melhor relação quando analisamos num período a três anos.

O grande destacado: Caixagest Oportunidades

O destacado volta a ser o Caixagest Oportunidades da Caixa Gestão de Ativos. Este produto obtém a melhor relação entre rentabilidade e risco desta categoria, ao registar um valor de 0,69%. Mais concretamente, vemos que alcançou 1,8% em termos de retorno absoluto e 2,7% de desvio-padrão. Salientando, também, que para além de ser um fundo detentor de Selo FundsPeople 2021 pela classificação de Consistente, vimos recentemente que obtém cinco estrelas no Morningstar Rating.

Já em segundo e terceiro lugar encontram-se dois produtos sob alçada da mesma entidade gestora. Falamos do IMGA Rendimento Semestral e do IMGA Rendimento Mais, ambos geridos pela IM Gestão de Ativos. Estes produtos conseguiram o mesmo valor de retorno a cinco anos (0,4%), no entanto, o IMGA Rendimento Semestral apresenta um menor valor em termos de desvio padrão. Assim, esta estratégia de investimento consegue uma ligeira vantagem quando observamos o seu valor entre retorno e risco (0,13% comparativamente aos 0,12% do IMGA Rendimento Mais).

Da mesma forma, estes dois produtos obtêm Selo FundsPeople 2021 pela classificação de Blockbuster.

Este cenário a cinco anos revela que, face ao período a três anos, o pódio não se alterou. Contudo, no período mais curto, estes dois produtos da IMGA conseguiram alcançaram um melhor resultado em retorno absoluto: 0,7%.

Mapa de retorno e risco a cinco anos

obrigações de curto prazo, Fundos de obrigações de curto prazo: quais conseguiram uma melhor relação entre retorno e risco?
Fonte: Morningstar Direct