Distribuição por categorias e geografia dos fundos nas carteiras dos fundos de pensões portugueses

fundos de pensões, Distribuição por categorias e geografia dos fundos nas carteiras dos fundos de pensões portugueses
Photo by Annie Spratt on Unsplash

Analisada a alocação e respetiva evolução das carteiras dos fundos de pensões mostramos agora, com base no recém publicado Relatório do Setor Segurador e dos Fundos de Pensões de 2020, a distribuição dos ativos alocados a unidades de participação de fundos de investimento por categoria de fundo e domicílio. O relatório foi publicado pela Autoridade Supervisora de Seguros e Fundos de Pensões (ASF).

Antes de mais, a ASF considera que “importa referir o crescimento das ações, em contrapartida da maioria das restantes categorias, em particular a de imobiliário”, no que à distribuição da rubrica de fundos de investimento diz respeito. “Devido a estas alterações, a categoria ações voltou a ser a mais representada em termos de peso específico, recuperando assim a tendência observada em anos precedentes, com exceção apenas do ano de 2019”, dizem da entidade reguladora.

fundos de pensões, Distribuição por categorias e geografia dos fundos nas carteiras dos fundos de pensões portugueses

Já no que se refere ao domicílio das unidades de participação, a ASF releva que “os aspetos de natureza fiscal revelam-se preponderantes, influenciando decisivamente a distribuição e atribuindo ao Luxemburgo amplo destaque”. Indicam também da entidade reguladora dos seguros e fundos de pensões que “ao longo de 2020 o aumento de representatividade mais material, ainda que moderado – na globalidade – foi o do Reino Unido, para o qual os outros fundos de pensões abertos denotam um incremento percentual especialmente visível”.

fundos de pensões, Distribuição por categorias e geografia dos fundos nas carteiras dos fundos de pensões portugueses