Retorno e risco: fundo de mercados emergentes da GNB GA mantém a melhor relação

mercados emergentes, Retorno e risco: fundo de mercados emergentes da GNB GA mantém a melhor relação
Créditos: Frolda (Unsplash)

Os fundos nacionais de ações de mercados emergentes podem ser muito atrativos para um determinado perfil de investidor. Principalmente, tendo em conta que num período de um ano, alcançaram os lugares cimeiros do ranking dos fundos mais rentáveis. Por isso, importante será observar o comportamento dos três fundos que competem nesta categoria em Portugal. Falamos de três fundos de três entidades gestoras diferentes. Por parte da Caixa Gestão de Ativos, o Caixagest Acções Emergentes, do lado da Montepio Gestão de Activos, o Montepio Multi Gestão Mercados Emergentes e, por fim, sob gestão da GNB Gestão de Ativos, o NB Mercados Emergentes.

A análise da rentabilidade e do risco assumidos revela-se então fundamental para compreender quais registaram melhores resultados. Tendo em conta que já foi feita uma análise num período a três anos, chega agora a vez de observamos o comportamento num período de cinco anos.

Observando os dados fornecidos pela Morningstar Direct, a cinco anos, os resultados alcançados pelos três fundos são muito próximos. No entanto, o destaque vai para aquele que consegue uma melhor relação retorno e risco. Assim sendo, é o NB Mercados Emergentes que leva o troféu. Mais concretamente, este produto conseguiu oferecer um retorno de 6,4% e 13,3% de desvio padrão, o que lhe confere o maior retorno por unidade de risco assumido desta categoria de investimento: 0,48%.

Segundo esta métrica, os fundos Caixagest Acções Emergentes e Montepio Multi Gestão Mercados Emergentes encontram-se logo a seguir, com os mesmos valores de retorno por unidade de risco: 0,45%.

De notar que, deste universo de fundos, aquele que alcançou um maior retorno absoluto foi o Montepio Multi Gestão Mercados Emergentes, com 7,2% de retorno a cinco anos. Comparativamente, o produto da Caixa GA ofereceu uma rentabilidade de 7%. Desta forma, esta estratégia de investimento da Montepio GA revela o seu valor no longo prazo uma vez que, se tivermos em conta a análise feita a três anos, o destacado em termos de rentabilidade absoluta era o Caixagest Ações Emergentes.

MAPA DE RETORNO E RISCO A CINCO ANOS

mercados emergentes, Retorno e risco: fundo de mercados emergentes da GNB GA mantém a melhor relação

Adicionalmente, se cumprir os critérios ESG for uma preocupação atual, na revisão anual da estratégia do fundo soberano norueguês, Jan Tore Sanner abriu o debate sobre a relação (ou falta dela) entre os mercados emergentes e o ESG.