Quais os fundos multiativos moderados que mais valorizaram em 2021?

multiativos moderados, Quais os fundos multiativos moderados que mais valorizaram em 2021?
Créditos: Daiga Ellaby (Unsplash)

Analisados os resultados dos fundos de obrigações e multiativos agressivos no último ano, olhamos agora para os retornos alcançados pelos multiativos moderados de entidades nacionais.

Ao observamos estes valores é preciso ter em conta que a conjuntura económica dos últimos anos tem desafiado a lógica de construção destas carteiras mais conservadoras. De facto, este foi um tema analisado por quatro profissionais do mundo da gestão de ativos nacional e internacional em maio de 2021. Um movimento que se apelidou como a grande migração dos portefólios conservadores.

Mas ao compararmos o retorno alcançado por estes fundos – caracterizados como moderados pela Morningstar – face aos mais agressivos, constatamos que alguns destes produtos moderados conseguiram alcançar valores de retorno superiores às ditas estratégias mais agressivas. Falamos tanto em termos absolutos, como em termos de retorno por unidade de risco. Aliás, ao mencionarmos o risco, há que recordar a análise feita à volatilidade média dos fundos perfilados moderados na revista 40 da FundsPeople.

Top 3 em termos absolutos

Assim, destacado no ranking dos mais rentáveis em termos absolutos está o GNB NB Dinâmico da GNB Gestão de Ativos. Gerido por Fátima Só, o fundo apresentava em novembro de 2021, segundo a própria ficha mensal, uma alocação a ações de 80%, a obrigações de 5% e o restante em liquidez. A valorização deste produto foi, segundo a empresa de análise independente, de 20,2%, tendo assumido um risco de 6,57%.

Seguem-se no Top 3 dois produtos da casa BPI Gestão de Ativos, apresentando retornos absolutos ligeiramente inferiores ao fundo anteriormente mencionado. Desta forma, consta na segunda posição o BPI Selecção, que registou um ganho de 14,5%, e um valor em desvio padrão de 5,4%. Segundo a própria entidade gestora, trata-se de “um fundo de fundos, que investe em fundos de investimento mobiliário de ações e de obrigações, geridos pela própria BPI GA”. Efetivamente, em novembro do último ano, a maior posição em carteira era o BPI GIF Opportunities. Luís Alvarenga, CFA é o profissional responsável pela gestão do BPI Selecção.

No terceiro posto consta o BPI Reforma Valorização PPR/OICVM que ao longo de 2021 valorizou 11,4%, assumindo um risco de 4,2%. Na verdade, a carteira deste produto já apresenta uma percentagem superior de exposição a obrigações face aos mencionados anteriormente, com cerca de 40%. A gestão desta estratégia de investimento também está a cargo de Luís Alvarenga, CFA - gestor que esteve à conversa com a FundsPeople e outros profissionais da indústria sobre a atual situação macroeconómica em novembro do último ano.

Fundos multiativos moderados mais rentáveis em 2021

FundoEntidade gestoraCategoria MorningstarRetorno em 2021 (%)Desvio padrão em 2021 (%)
GNB NB Dinâmico GNB Gestão de AtivosModerate Allocation - Global20,216,57
BPI Selecção BPI Gestão de AtivosModerate Allocation14,475,43
BPI Reforma Valorização PPR/OICVMBPI Gestão de AtivosModerate Allocation - Global11,384,18
IMGA Alocação ModeradaIM Gestão de AtivosModerate Allocation - Global10,843,32
Santander Popular Global 50 Santander Asset ManagementModerate Allocation - Global10,723,98
Fonte: Morningstar Direct. Dados de rentabilidades em euros com referência a 31 de dezembro de 2021.

Relacionando o risco...

Ao equacionarmos o risco assumido por estes fundos, o Top 3 altera-se. Agora, é o IMGA Alocação Moderada da IM Gestão de Ativos que assume a liderança como o fundo multiativo moderado mais rentável por unidade de risco em 2021. Gerido por Fernando Nascimento, este produto registou um retorno por unidade de risco de 3,3%.

A segunda posição é também ocupada por um outro produto da IMGA, gerido pelo mesmo profissional: o IMGA Investimento PPR/OICVM. Em 2021, o retorno por unidade de risco desta estratégia de investimento foi de 3,1%.

Por fim, o GNB NB Dinâmico fecha o pódio com 3% alcançado nesta métrica.

Fundos multiativos moderados mais rentáveis por unidade de risco em 2021

FundoEntidade gestoraCategoria MorningstarRetorno em 2021 (%)Desvio padrão em 2021 (%)Retorno por unidade de risco (%)
IMGA Alocação Moderada IM Gestão de AtivosModerate Allocation - Global10,843,323,27
IMGA Investimento PPR/OICVM IM Gestão de AtivosModerate Allocation - Global10,343,333,10
GNB NB Dinâmico GNB Gestão de AtivosModerate Allocation - Global20,216,573,08
BPI Reforma Valorização PPR/OICVM BPI Gestão de AtivosModerate Allocation - Global11,384,182,72
Santander Popular Global 50 Santander Asset Management Moderate Allocation - Global10,723,982,69
Fonte: Morningstar Direct. Dados de rentabilidades em euros com referência a 31 de dezembro de 2021.