Dois fundos de obrigações com retorno superior a 3% nos últimos seis meses

fundos de obrigações, Dois fundos de obrigações com retorno superior a 3% nos últimos seis meses
Créditos: Bas van den Eijkhof (Unsplash)

A primeira metade do ano 2021 parece ter sido favorável para a grande parte das classes de ativos. Ainda que a classe acionista se tenha mantido como líder em termos de rentabilidade, os fundos de obrigações continuam a atrair a atenção de muitos investidores nacionais. De facto, até abril deste ano, o Top 10 dos produtos de obrigações que mais dinheiro juntaram somava 309 milhões de euros, enquanto o Top 10 dos produtos de ações totalizava 277 milhões.

Assim, analisamos agora que estratégias de obrigações mais renderam durante o primeiro semestre deste ano, quer por retorno absoluto, quer por retorno por unidade de risco.

Ao observamos o ranking abaixo – ordenado pelo retorno absoluto – verificamos que, numa primeira instância, apenas dois produtos superam a barreira dos 3% de rentabilidade.

Top 10 fundos de obrigações mais rentáveis no primeiro semestre de 2021

FundoSelo FundsPeople 2021Entidade gestora (Distribuidor)Categoria MorningstarRetorno 6 meses (%)Desvio-padrão 6 meses (%)
Atrium Portfolio Sicav - GradientAtrium Investimentos (FundPartner Solutions)Other Bond3,615,12
BPI GIF High Income Bond BPI Gestão de Ativos (CaixaBank AM)High Yield Bond3,031,52
BPI Alto Rendimento Alto RiscoBPI Gestão de Ativos High Yield Bond1,821,46
NSF SICAV EuroBic Obrigações GlobalNevastar Finance (EuroBic)Global Flexible Bond - Hedged1,500,69
Atrium Portfolio Sicav High IncomeAtrium Investimentos (FundPartner Solutions)Global Flexible Bond - Hedged1,421,69
NB Subordinated DebtGNB Gestão de Ativos (GNB International Management)Subordinated Bond1,051,83
Optimize ObrigaçõesOptimize Investment PartnersDiversified Bond0,952,20
BPI Obrigações MundiaisBPI Gestão de AtivosHigh Yield Bond0,911,60
NB Corporate Euro GNB Gestão de Ativos (GNB International Management)Corporate Bond0,661,25
Caixagest Obrigações MaisCaixa Gestão de AtivosDiversified Bond - Short Term0,400,58
Fonte: Morningstar Direct, julho de 2021

Efetivamente, o fundo da categoria de fixed income mais rentável nos primeiros seis meses de 2021 foi o produto luxemburguês Atrium Portfolio Sicav – Gradient, que obteve uma rentabilidade de 3,61%. Este produto é gerido pela Atrium Investimentos e está inserido na categoria other bond da Morningstar.

Imediatamente a seguir encontramos um produto da BPI Gestão de Ativos, que obteve um retorno de 3,03%. Trata-se do BPI GIF High Income Bond, um fundo também ele domiciliado na maior praça financeira europeia, gerido por Duarte Rodrigues. A excelência deste fundo distingue-se uma vez que este produto se encontrava no terceiro lugar do ranking dos fundos de obrigações mais rentáveis nos últimos cinco anos. Adicionalmente, à data de maio de 2021, entre as maiores posições em carteira encontramos, segundo a Morningstar, obrigações emitidas pela farmacêutica Teva, Deutsche Bank e pela empresa petrolífera mexicana Pemex.

No terceiro lugar do ranking encontramos mais um produto da BPI Gestão de Ativos. Falamos do BPI Alto Rendimento Alto Risco, cujo retorno no período em análise se fixou nos 1,82%. Este produto está domiciliado em Portugal e é igualmente gerido pelo gestor Duarte Rodrigues.

O ranking quando consideramos o risco

Considerando o desvio-padrão a seis meses registado pelos fundos de obrigações, chegamos à conclusão que dois produtos superam o obstáculo dos 2% de retorno por unidade de risco.

O produto com melhor relação retorno/risco é o NSF SICAV EuroBic Obrigações Global. Traduzido em números, este fundo sob gestão da Nevastar Finance conseguiu um retorno de 1,50% e registou um desvio-padrão de 0,69%, o que lhe fez alcançar um retorno por unidade de risco de 2,18%.  

Por outro lado, o já destacado BPI GIF High Income Bond alcança também um retorno por unidade de risco de 2%, conseguindo assim estar entre o Top 3 dos produtos desta classe de ativos mais rentáveis por retorno absoluto e por unidade de risco.  

Top 10 fundos de obrigações mais rentáveis por unidade de risco no primeiro semestre de 2021

FundoSelo FundsPeople 2021Entidade gestora (Distribuidor)Categoria MorningstarRetorno 6 meses (%)Desvio-padrão 6 meses (%)Retorno por unidade de risco (%)
NSF SICAV EuroBic Obrigações GlobalNevastar Finance (EuroBic)Global Flexible Bond - EUR Hedged1,500,692,18
BPI GIF High Income Bond BPI Gestão de Ativos (CaixaBank AM)High Yield Bond3,031,522,00
BPI Alto Rendimento Alto RiscoBPI Gestão de Ativos High Yield Bond1,821,461,25
Atrium Portfolio Sicav High IncomeAtrium Investimentos (FundPartner Solutions)Global Flexible Bond - EUR Hedged1,421,690,84
Atrium Portfolio Sicav - GradientAtrium Investimentos (FundPartner Solutions)Other Bond3,615,120,71
Caixagest Obrigações MaisCaixa Gestão de AtivosDiversified Bond - Short Term0,400,580,69
Caixa DisponívelCaixa Gestão de AtivosUltra Short-Term Bond0,040,070,60
NB Subordinated DebtGNB Gestão de Ativos (GNB International Management)Subordinated Bond1,051,830,57
BPI Obrigações MundiaisBPI Gestão de AtivosHigh Yield Bond0,911,600,57
Caixagest ObrigaçõesCaixa Gestão de AtivosDiversified Bond - Short Term0,120,230,55
Fonte: Morningstar Direct, julho de 2021

Ao nível de entidades gestoras, entre os dois Tops 10, parece não existir nenhuma hegemonia significativa. No entanto, a BPI Gestão de Ativos surge em posição de destaque, não só porque um dos dois produtos que alcançaram retorno absoluto superior a 3% é da sua responsabilidade, mas também por apresentar o maior número de estratégias entre os dois rankings.