Os fundos de ações americanas do estilo blend no mapa de retorno e risco

fundos de ações americanas, Os fundos de ações americanas do estilo blend no mapa de retorno e risco
Créditos: Jorge Alcala (Unsplash)

A subcategoria US Equity Large Cap Blend contempla cinco fundos mobiliários nacionais na base de dados da Morningstar. São eles o BPI América, da BPI Gestão de Ativos, o Caixa Ações EUA, da Caixa Gestão de Ativos, o IMGA Ações América, sob gestão IM Gestão de Ativos, o NB America Growth Fund, por parte da GNB Gestão de Ativos, e por fim o Santander Acções América, sob alçada da Santander Asset Management.

É precisamente sobre estes cinco fundos que hoje nos debruçamos no mapa de retorno e risco da Morningstar. Isto é: num período a cinco anos, como se compara o comportamento destas estratégias de investimento?

De notar que esta categoria da Morningstar trata-se de fundos de investimento que investem em ações de grandes empresas dos Estados Unidos, cujo estilo de investimento é uma mistura entre características do estilo growth e value.

BPI América: o mais rentável

Deste universo, a liderança é protagonizada pelo BPI América, gerido por Rui Araújo, CFA. A cinco anos, este fundo apresenta um retorno de 15,8% e um nível de desvio padrão de 14,6%. Ao fazermos as contas, esta estratégia consegue, para além de ser líder em retorno absoluto, apresentar também a melhor relação entre retorno e risco (1,09%). As maiores posições deste fundo, segundo a página da BPI GA, são: a Apple, a Microsoft e a Alphabet; o setor da tecnologia aquele com maior representatividade.

Segue-se no ranking, tanto em termos de retorno absoluto, como em termos de retorno por unidade de risco, o IMGA Ações América. Mais concretamente, esta estratégia de investimento conseguiu um retorno absoluto de 14,1%, e o menor valor de desvio padrão deste universo de fundos: 13,3%. Assim, o retorno por unidade de risco deste fundo gerido por António Dias fixou-se em 1,06%.

Por fim, na terceira posição, surge o NB America Growth Fund, da GNB Gestão de Ativos. Apesar de este poder ser considerado um fundo growth, segundo a Morningstar, insere-se nesta categoria de US Equity Large Cap Blend. A cinco anos, este fundo alcançou um retorno absoluto de 13,6% e, em termos de desvio padrão, 14%. Em agosto, segundo a própria entidade gestora, este produto detinha como principais títulos na sua carteira ações da empresa americana Monolithic Power, Fortinet e West Pharmaceutical.

MAPA DE RETORNO E RISCO A CINCO ANOS

fundos de ações americanas, Os fundos de ações americanas do estilo blend no mapa de retorno e risco